| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
Saúde.

Hospital segue com alta demanda

Casos de gripe continuam lotando o Pronto Atendimento

A semana começou como terminou a anterior: o Hospital Nossa Senhora do Perpétuo Socorro com alta demanda no Pronto Atendimento. Os casos de Síndrome Gripal continuam sendo a maioria dos prontuários na Casa de Saúde. Para se ter ideia, de 3 a 9 de janeiro, foram atendidos 1.380 pacientes, uma média de quase 200 pessoas/dia. Isto, de acordo com a diretora administrativa do hospital, Fabiana Massari, representa um aumento de cerca de 45%. Para tentar dar mais agilidade ao atendimento, a direção do hospital montou um centro de triagem específico para pacientes com sintomas gripais, com médico e enfermeiro.

Fabiana esclarece que a demora no atendimento, que pode ser de até 3 horas - se deve também ao fato de que uma pessoa com sintomas gripais não pode ser classificada em risco grave. "A gente precisa lembrar que existem pacientes que chegam ao hospital com doenças mais graves, como infarto e AVC, além dos acidentados. Em 12 horas, chegamos a receber oito ambulâncias trazendo pacientes em estado grave. Eles precisam ter prioridade", destaca a diretora.

Fabiana também observa que essa nova "onda" traz junto outros tipos de gripes como a H1N2 e H3N2, que são mutações do vírus da gripe, também conhecido como Influenza. Ela admite que existe aumento no número de casos de Covid-19, porém, o nível de gravidade está sendo baixo, diferente do que se observou em outros momentos quando um número significativo de pacientes precisou de internação. "Observa-se que a Ômicron (variante do Coronavírus) é bem menos letal, tanto é verdade que a nossa UTI-Covid não tem nenhum paciente internado neste momento", revela diretora. Ela, porém, diz entender a preocupação das pessoas, mas pede um pouco mais de paciência. Segundo Fabiana, pela evolução do cenário em santa Catarina e o próprio momento, que é de muitos turistas circulando no estado, principalmente na região litorânea, a tendência é que os casos de síndrome gripal aumentem ainda mais nos próximos 30 dias. "Essa é a nossa expectativa. Por isso estamos nos preparando para uma demanda ainda maior, é verdade que a reabertura dos postos de saúde vai amenizar o problema, mas a alta demanda deve continuar pelos próximos 30 dias", reforçou.

Influenza

  A Prefeitura de Gaspar informou, nesta terça-feira (11) que todos os postos de sáude com sala de vacina possuem doses disponíveis da vacina contra a Influenza. A vacinação ocorre das 8h às 12h e das 13h às 16h30. A imunização é realizada para toda a população com idade acima de seis meses. A vacinação segue enquanto houver doses disponíveis.

Para ser imunizado, é preciso apresentar o cartão de vacina e documento de identidade com foto. As unidades com sala de vacinação são: ESF Barracão, ESF Poço Grande, ESF Santa Terezinha, ESF Sete de Setembro, ESF Coloninha, ESF Gaspar Grande, ESF Gasparinho Quadro, ESF Figueira, ESF Bela Vista, ESF Margem Esquerda I, ESF Margem Esquerda II, ESF Lagoa e ESF Belchior e ESF Centro. O horário de atendimento é das 8h às 12h e das 13h às 16h30.

Covid-19

A vacinação contra a Covid-19 foi retomada nesta terça-feira (11) e prossegue neste quarta-feira com a aplicação da primeira dose para pessoas acima de 12 anos e com segunda dose da Pfizer para quem foi imunizado até 17 de novembro. Já a dose de reforço (a terceira) está disponível apenas para pessoas que tomaram a segunda dose da AstraZeneca, Coronavac ou Pfizer até o dia 12 de setembro e imunossuprimidos que tomaram a segunda dose até 15 de dezembro. A vacinação acontece das 8 às 14h no Centro de Convivência do Idoso, na Rua Frei Canísio, 500, Coloninha.   



LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |