| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
Foto_Bibiana.jpg
COLUNA
Por Bibiana Benites | jornal@jornalmetas.com.br

O medo é o templo das reflexões

A maioria das coisas que fogem do nosso controle, nos causam medo. Toda e qualquer situação que envolva uma decisão ou um caminho, sempre nos fará cruzar duas fronteiras: aquela que nos mantem exatamente no lugar onde estamos e; do outro lado do horizonte, naquele lugar que nos assusta porque é novo, porque requer a nossa coragem. 

Eu, por exemplo, venho percebendo com um novo olhar as situações que pensava não conseguir superar. Nunca gostei de dirigir em lugares com grandes subidas (quem me conhece sabe) aquilo me causa(va) uma náusea sem tamanho. Sempre preferi percorrer um caminho maior do que abrir mão de lidar com esse processo dentro de mim.

Dizem que todo medo pode ser um trauma sofrido ainda na infância, no meu caso, não lembro de nenhuma situação que tenha influenciado nas minhas rejeições agora na vida adulta. Tenho medo de andar no escuro, desconfio quando alguém caminha muito perto de mim, tenho medo de sofrer um acidente, medo de um assalto a mão armada, medo de passar por ruas onde o tráfego é quase nulo.

Tenho medo de perder - além das tantas que já tive - as pessoas que me são caras, tenho medo de ter uma doença grave, tenho medo de nunca conseguir ser mãe; e quando ser, medo de não dar conta do recado.

Ultrapassei medos que me deram a oportunidade de crescer, de mergulhar em mim mesma, de conhecer o que meu coração realmente queria ouvir e sentir. Não é um dos caminhos mais fáceis abandonar a zona de conforto, mas, fazer esse movimento é libertador. A mudança exige âncoras para as decisões já assumidas. Seguir os seus sonhos não é falta de responsabilidade ou desatino passageiro, bem pelo contrário: a coragem alimenta a nossa existência, mantem os nossos cinco sentidos acesos e multiplica a nossa capacidade de não recuar com as adversidades que cruzarem o mesmo caminho que o nosso.

Lidar com os nossos medos, destrava o freio de mão da vida e nos faz descobrir a nossa força e resiliência. Ignore as críticas, os dedos apontados, a acidez daqueles que falam mais do que fazem. Vá em busca daquilo que você acredita, da sua verdade e isso bastará. O medo é o templo das reflexões.

No meu caso, desmoronei castelos, atravessei tempestades, percorri mundos e fundos, mas nunca desisti do que realmente eu quis para mim. Algumas vezes, paguei caro, mas jamais soprei contra o que fazia o meu coração vibrar.

Bibiana Benites
bibianamolleda@yahoo.com.br





JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |