| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
INVESTIGAÇÃO

Polícia Civil prende dupla de estelionatários em Gaspar

Prisão aconteceu na quinta-feira (1), em uma agência bancária no centro


Gleysson e Egil foram presos em flagrante / Foto: Divulgação PC/

Dois homens foram foram presos em flagrante por policiais civis do Setor de Investigação e Capturas (SIC) da delegacia de Gaspar pelos crimes de tentativa de estelionato e uso de documento falso. A prisão dos suspeitos aconteceu na manhã de quinta-feira (1º), em uma agência bancária, no Centro da cidade. Informações de inteligência levaram à equipe policial até Egil Luiz da Silva, 63 anos, e Glysson Suenson Loures, de 49, que, segundo informações repassadas pela Polícia Civil, tentavam receber valores provenientes de decisões judiciais contra o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Para isso, os golpistas utilizavam documentos falsos e realizavam a abertura de contas correntes para o recebimento destes valores, os quais posteriormente seriam sacados em espécie pelos suspeitos.

No momento da prisão em Gaspar, um dos participantes do golpe acompanhava a movimentação do lado de fora da agência bancária, enquanto o comparsa, com os documentos falsos, aguardava atendimento para concretizar o depósito dos valores na conta aberta. Em posse da dupla, os policiais civis encontraram e apreenderam cinco carteiras de identidade falsificadas - os documentos portavam as fotografias dos estelionatários, mas com dados de terceiros.

A dupla foi autuada em flagrante pelo delegado Bruno Effori e encaminhada ao Presídio Regional de Blumenau. Segundo informações, Egil já tinha passagem pela polícia por roubo e Glysson já havia sido preso por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Os suspeitos estavam residindo na cidade de Camboriú.

Crime recorrente 

O delegado lembra que este não foi o primeiro caso investigado e constatada a tentativa de fraude em instituições bancárias do município neste ano - em março, outros dois estelionatários foram presos após tentarem abrir uma conta em outra agência bancária da cidade, também utilizando documentos falsos. "Este é um tipo de crime recorrente em todo Estado. Diante de uma situação de desconfiança da autenticidade dos documentos apresentados, a orientação é registrar o fato por meio de Boletim de Ocorrência (BO), alerta Effori. Denúncias podem ser feitas para o 181 ou (47) 3332 1000. 


LEIA TAMBÉM



JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |