| ASSINE | ANUNCIE
| | | |

SEGURANÇA

PM de Gaspar poderá ter PPT

08 Fevereiro 2019 18:31:00

Em entrevista ao Jornal Metas, o comandante, major Pedro, falou sobre as principais ações para 2019


Major Pedro assumiu o comando da Polícia Militar de Gaspar em setembro do ano passado / Foto: Kássia Dalmagro/Jornal Metas/


A segurança pública em Gaspar poderá, em breve, ganhar um importante reforço. Isto porque a Polícia Militar pretende implantar na cidade um Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT). A ideia, conforme explica o comandante, major Pedro Carlos Machado Júnior, é capacitar e treinar sete policiais para formar a unidade especial e atuar nas ocorrências de alto risco. Hoje, de acordo com o major, quando algum destes chamados é registrado, é necessário pedir apoio às cidades de Brusque ou Blumenau. "Entretanto, este deslocamento pode levar entre meia hora e 40 minutos. Tempo suficiente para que nossa viatura seja alvejada por tiros e policiais morrerem antes da chegada do reforço. Com o PPT instalado aqui a realidade será outra. Além disso, a implantação da unidade especial irá motivar os policiais e fazer com que eles queiram permanecer trabalhando na cidade", ressalta o comandante.

O investimento está calculado em cerca de R$90 mil para a aquisição de armamentos, como fuzis, e equipamentos de proteção para os policiais. "Porém, não temos esta verba e estamos procurando parcerias. Precisamos da ajuda do poder público, da iniciativa privada e entidades de classe", afirma. Na próxima quinta-feira (14), o projeto será apresentado na Câmara de Vereadores de Gaspar. "O PPT atua nas ocorrências não rotineiras. Por exemplo, quando ocorre um assalto e os criminosos fogem para o mato, são os policiais da unidade especial que entram no local para fazer as buscas, pois isso exige treinamento especializado. Em manifestações e aglomerações, como na greve dos caminhoneiros, o pelotão também atua, como aconteceu no ano passado em Gaspar", recorda o comandante.

Durante entrevista à equipe do Jornal Metas, major Pedro também falou sobre o trabalho realizado nos cinco primeiros meses de seu comando - ele assumiu o cargo em setembro do ano passado. Entre os destaques, eles cita a proximidade com a comunidade e o fortalecimento da Rede de Vizinhos. "Em 2018 havia apenas quatro redes ativas em Gaspar mas conseguimos terminar o ano com 60 delas implantadas. Em 2019, já iniciamos o processo de mais duas redes", afirma. Segundo o comandante, o programa já contribuiu para a prevenção de várias ocorrências na cidade.

"Por meio da rede, já conseguimos apreender veículos roubados e evitar ocorrências de furtos. O sucesso do programa se reflete nos números. Por exemplo, em janeiro de 2018, foram registrados 31 furtos - ou seja, uma ocorrência por dia - e 10 roubos. Em janeiro de 2019, após a criação de 56 redes ao longo do ano passado, foram apenas oito ocorrências de furto e um assalto", afirma. Ele explica que a comunidade passa a ser os olhos do policial militar na rua deles. "Algo de estranho ou suspeito que a pessoa vê, pode rapidamente ser reportado no grupo do whatsapp, do qual um policial sempre faz parte", ressalta. Quem tiver interesse em implantar o programa em sua rua basta entrar em contato com a PM pelo telefone (47) 3378 8558.

Outro fato que chamou a atenção do comandante foram os três homicídios ocorridos no fim do ano passado em Gaspar, em menos de 15 dias. "Todas as ocorrências tinham relação com a violência doméstica. Por isso, vamos fortalecer o programa Rede Catarina, que dá apoio a estas vítimas", diz. O major também garantiu a continuidade do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) nas unidades de ensino da cidade e do programa Rede de Segurança Escolar. "Pretendemos também trabalhar em conjunto com a Polícia Civil. É necessário esta união e troca de informações para o sucesso das ações", disse.

O comandante  

Natural do Rio de Janeiro (RJ), major Pedro, 38 anos, atua na Polícia Militar de Santa Catarina desde 2005. Já trabalhou nas cidades de Balneário Camboriú, Camboriú, São João Batista e também atuou durante um ano na Força Nacional Brasileira. Antes de vir para Gaspar, em setembro do ano passado, major Pedro estava lotado no Batalhão de Brusque, onde exercia as funções de chefe da Agência de Inteligência, Corregedor e chefe de seção técnica. O major é bacharel em Segurança Pública e possui pós-graduação em Investigação, Constituição e Direito de Defesa. Ele também possui cursos na área operacional, como de Operações Especiais em Segurança e Defesa da Força Aérea Brasileira e é instrutor de tiro e de técnicas policiais. 



LEIA TAMBÉM



JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |