| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
Beto.png
COLUNA
Por José Roberto Deschamps | beto@jornalmetas.com.br

'Vão limpar ou não?'


Moradora da rua Pedro Gonçalves, na região Central de Ilhota, bem que tentou que a Prefeitura limpasse um terreno próximo ao número 314, mas já se passaram quase 15 dias e nem sinal da roçadeira. O terreno, segundo a moradora, é da Prefeitura, por isso é obrigação do poder público mantê-lo limpo. A área, coberta pelo mato, está infestada de insetos e roedores que "visitam" frequentemente a residência da moradora, inclusive entrando na sua casa sem pedir licença. Mais uma vez, ela apela à Prefeitura para que faça a limpeza do terreno. No dia 15 de janeiro, a assessoria de imprensa da prefeitura informou que a limpeza da rua já estava sendo feita e que, em breve, o terreno seria limpo.


Novidade na cidade

Gaspar passa a contar com um moderno laboratório de pesquisa e diagnóstico genético. O laboratório HOLOGENE, localizado a rua Itajaí 483, dispõe de equipamentos e métodos de última geração que permitem fazer análises genéticas em grande número de amostras com rapidez e precisão. São análises baseadas nas alterações do material genético, que podem ser usados tanto no diagnóstico de doenças quanto na identificação precisa de microrganismos, por exemplo. É quando adoecemos que o material genético pode nos ajudar a entender o que efetivamente está ocorrendo. Quando fazemos um exame de glicose, para saber se temos diabetes, ou colesterol para saber sobre doença cardíaca, estamos vendo o resultado de modificações que podem estar relacionadas com nossa genética. Já quando somos atacados por vírus, bactérias ou fungos que podem causar infecções graves como a pneumonia, por exemplo, é fundamental a identificação correta do organismo para que o médico possa prescrever o tratamento adequado. Como cada organismo tem um genoma característico, podemos identificar a presença de um ou vários microrganismos em uma mesma análise genética. Um exemplo marcante é identificação da Covid-19 em que se usa o teste chamado de RT-PCR, ou PCR em tempo real. É um teste genético definitivo para identificar a Covid-19 e seus variantes e que está disponível no HOLOGENE. As sócias deste empreendimento são Mariana Masson e Ana Goedert, com mestrado e doutorado na área. Para maiores detalhes e conhecer os serviços disponíveis, visite a página: www.hologene.com.br


Revogação + revogação

O plenário da Assembleia Legislativa de SC (Alesc) revogou no último dia 21, a prisão preventiva do deputado e presidente da Casa, Julio Garcia (PSD), por 30 votos favoráveis, três contrários e duas abstenções. Acontece que um dia depois, a 1ª Vara Federal decidiu manter o deputado em prisão preventiva domiciliar. Júlio Garcia está sendo investigado na segunda fase da Operação Alcatraz, que apura fraudes em licitações e desvio de recursos públicos. Os principais argumentos dos parlamentares pela soltura de Garcia é a suposta inconstitucionalidade da prisão por falta de crime em flagrante e a incompetência da 1ª instância da Justiça para mandar prender um chefe de poder. Acontece que a segunda prisão, cumprida pela Polícia Federal, é sobre a primeira fase da Operação Alcatraz. Ou seja, a Alesc vai novamente decidir se faz uma nova votação para revogar essa segunda prisão preventiva.

Agressões à mulher

Mulher é trancada no banheiro e ameaçada durante assalto no bairro Tribess, bandido invade residência e estupra mulher no Salto do Norte, jovem agride mulher e é levado preso no bairro da Velha. Todas essas ocorrências num espaço de cinco dias bem aqui, ao lado, em Blumenau. Em dezembro de 2020, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina somava 284 processos de feminicídio em andamento. Em dezembro de 2019 eram 115 processos não conclusivos. Portanto, mais do que dobrou o número de processos de um ano para o outro. A culpa é só da pandemia? Não. É assustador a violência contra as mulheres em nosso estado. Já com relação à violência doméstica houve um recuo no número de processos em andamento. Em dezembro de 2019, eram 36.415, enquanto em dezembro de 2020 a Justiça catarinenense somava 36.274 processos abertos. As informações estão no site do TJSC e disponíveis a qualquer cidadão.

Coincidência da história

O fotográfo e pesquisador da história de Gaspar, Luiz Eduardo Schramm, me chama atenção para um detalhe da ponte sobre o Ribeirão Gaspar Mirim, cuja passarela começou a ser revitalizada esta semana. A passarela original foi feita durante o governo Tarcísio Deschamps (1983-1988), que tinha como vice-prefeito, o saudoso Luiz Carlos Spengler, o Cuca, pai do atual Secretário de Obras e Serviços Urbanos, Luiz Carlos Spengler Filho, o Lu, que vai agora coordenar a obra de substituição da passarela.


Tomógrafo

Na manhã desta quarta-feira (27), as 11h, a empresa JBS irá realizar a oficialização da entrega do aparelho de tomografia computadorizada ao Hospital de Gaspar. O tomógrafo irá compor a nova ala de Tomografia do Centro de Diagnóstico por Imagem do hospital e tem um valor aproximado de R$ 900 mil e capacidade de até quatro exames por hora, em média. A cerimonia será fechada, com presença apenas da imprensa e autoridades devido à necessidade de atender as medidas de prevenção da COVID-19.



VEJA MAIS DA COLUNA

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |