| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
Beto.png
COLUNA
Por José Roberto Deschamps | beto@jornalmetas.com.br

As mulheres e a política

08 Março 2019 20:04:00


Teresinha a primeira mulher a ocupar uma cadeira no Legislativo Gasparense e Mariluci atual vereadora / Foto: Divulgação/


Em 71 anos de história, apenas sete mulheres assumiram cadeiras no Legislativo gasparense. Após 50 anos de presença exclusivamente masculina, Gaspar elegeu a primeira vereadora, que integrou a 13ª legislatura, de 1997 a 2000, ou seja, essa eleição deu-se 64 anos depois que as mulheres conquistaram o direito de votar no Brasil (direito concedido por Getúlio Vargas, em 1932). A professora Maria Teresinha Ramos foi eleita, à época, com 404 votos, pelo PDT. Hoje duas vereadoras - Franciele Back (PSDB) e Mariluci Deschamps Rosa (PT) - compõem a atual legislatura. Em 2008, foi eleita a primeira mulher para ocupar a vice-presidência da Câmara durante um ano. A tarefa coube à vereadora Ivete Mafra Hammes (MDB), que voltou ao cargo em 2015. No entanto, o parlamento ainda não elegeu uma mulher para a presidência da Casa. Já foram duas tentativas, com Andréia Nagel, na legislatura passada, e Francieli na atual. Elas tinham quase como certa as suas eleições para a Mesa Diretora, mas acabaram saindo do páreo em função de acertos de bastidores nos "minutos finais" da eleição. Nas últimas legislaturas, seis mulheres suplentes também tomaram posse na Câmara. A última a ser empossada foi Marisa Isabel Tonet Beretta (PSD). Ela permaneceu em atuação por dois meses em 2018.

Palestra sobre Segurança Pública

Na próxima quinta-feira (14), a Polícia Militar de Gaspar irá realizar uma palestra, ministrada pelo comandate da Cia em Gaspar, Major Pedro Machado Junior, que irá tratar dos desafios da Segurança Pública no Brasil e também em Gaspar. O tema, é sem duvida alguma, muito oportuno. A criminalidade apresenta números preocupantes nos levando a ter um sentimento de vivenciarmos um estado de calamidade pública com a segurança. O evento começa às 11h30min. no Restaurante Questão de Gosto, anexo a ADC da Bunge Alimentos. As inscrições somente antecipadas pelo e-mail: relacionamento@acigweb.com.br.

Turismo

A Prefeitura de Gaspar assina, na próxima segunda-feira (11), com o Senac, o contrato para a elaboração do Plano Municipal de Turismo, cujos recursos foram assegurados por meio do convênio firmado com o Ministério do Turismo no final de 2018. Os trabalhos e discussões na realização do plano, que serão conduzidos pelos técnicos do Senac, deverão envolver a comunidade, especialmente o trade turístico da cidade. A expectativa do diretor de Turismo de Gaspar, Norberto Mette, que já havia antecipado um trabalho de diagnóstico situacional no bairro Gasparinho no segundo semestre de 2018, é que o trabalho seja concluído em até 120 dias. A assinatura será às 15h, no auditório da Prefeitura e contará com a presença da Presidente da Santur, Flávia Didomênico.

Custos na ALESC

A notícia que circulou nas redes sociais e em alguns veículos de comunicação do Estado, referente a um suposto ranking das despesas para a manutenção dos gabinetes dos deputados, além dos salários pagos a servidores públicos e comissionados lotados na Assembleia Legislativa do Estado (Alesc) alvoroçou o meio político pelos altos valores apresentados. Diga-se, de passagem, que estão muito bem "servidos" de verba os nossos deputados... Fui lá no Portal da Transparência, que qualquer cidadão tem acesso, e descobri um servidor aposentado desde 04/05/1978 recebendo bruto R$ 35.462,62, mais benefício de R$ 1.500,00, totalizando R$ 36.962.22. A aposentadoria deste servidor é maior que o subsídio mensal pago a um parlamentar, hoje em torno de R$ 25.322,25. O que mais me chamou a atenção, além do alto custo com a folha de pagamento dos chamados assessores parlamentares, é o custo de manutenção por gabinete. Somente com despesas de almoxarifiado, correspondência/telegrama, diárias, gráfica, inscrição, passagens aéreas/ônibus, alimentação em viagens, telefone e verba indenizatória do exercício Parlamentar, a despesa de gabinete de um único deputado ultrapassou a R$ 500 mil em um ano, como aconteceu em 2011. E olha que são 40 deputados estaduais. 

Hospital

O Hospital de Gaspar promoveu na quinta-feira (7), no auditório da Ditran, a apresentação da Prestação de Contas de 2018. Conforme foi apresentado pelo diretor da instituição, Elson Marson Júnior, o número de atendimentos realizados aumentou em 10,62% de 2017 para 2018, totalizando 58.129 atendimentos. Deste total, 50.419 são pacientes atendidos no Pronto Atendimento, setor com maior fluxo, onde 70% dos casos são classificados como ambulatoriais ou não urgentes. Outra demanda que teve crescimento foi o número de cirurgias realizadas. Foram 1.739 procedimentos como: laqueadura, vasectomia, ortopédicas, cirurgias gerais e ginecológicas, além dos partos (cesáreas). Em 2018, 686 crianças nasceram no Hospital de Gaspar. Outro ponto enfatizado durante a apresentação foi a distribuição mensal das receitas do ano passado. O governo municipal investiu mais de R$ 705 mil por mês nas despesas do Hospital, com aumento de 56,46% comparado a 2017. Dos recursos federais, foram recebidos R$ 109 mil, e o estado disponibilizou R$ 11 mil. Já o SUS, no qual são realizados 95% dos atendimentos, repassou uma média de R$ 239 mil. A arrecadação com convênios e particulares foi de R$ 85 mil, variando dependendo de cada mês.



VEJA MAIS DA COLUNA

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |