| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
Dia dos Namorados

Uma nova chance para o amor

12 Junho 2019 09:31:00

A história dos casal gasparense Adelaide e Osvaldo que decidiram recomeçar uma nova vida


Osvaldo e Adelaide estão juntos desde 2010 / Foto: Kássia Dalmagro - Jornal Metas/

O amor não tem idade, hora e nem lugar. Ele pode acontecer de repente, quando menos esperamos. Pode nos "pegar de jeito" mesmo quando já não acreditávamos mais ser possível amar. No Dia dos Namorados - celebrado nesta quarta-feira, 12 de junho - (a data mais romântica do calendário) o Jornal Metas traz a história de Adelaide Lopes da Silva, 67 anos, e Osvaldo Bittencourt, 74, que se encontraram na chamada "melhor idade". O relacionamento amoroso, que iniciou em 2010, segue cada dia mais fortalecido. "Ninguém deve ficar sozinho nesta vida. É importante termos com quem conversar, tomar um cafezinho, almoçar, jantar...", recomenda Osvaldo. Por isso, após a morte de sua primeira esposa, ele decidiu seguir o conselho de seu médico. "Um dia fui a uma consulta e ele disse: seu Osvaldo, encontre alguém, ficar sozinho é um dos motivos para entrar em depressão", recorda-se. Foi então que ele abriu o coração para um novo romance, desta vez ao lado de Adelaide - que já vivia sozinha há 10 anos.

Ela lembra que o primeiro encontro com Osvaldo aconteceu por meio de amigos em comum. "Confesso que eu estava bastante receosa, em dúvida se deveria ir ou não ao encontro dele", diz. Mas a moradora do bairro Santa Terezinha, em Gaspar, decidiu que era o momento de dar uma oportunidade para o amor. Eles não se conheciam pessoalmente e marcaram de se encontrar na Igreja Matriz São Paulo Apóstolo, no Centro de Blumenau, cidade onde Osvaldo residia. Da igreja foram para o shopping, passearam, conversaram e muitos outros encontros vieram, até que o namoro aconteceu naturalmente. Adelaide foi morar na cidade vizinha com Osvaldo, mas não se acostumou a residir em Blumenau. Porém, isto não foi motivo para o fim do romance. "Já que ela queria voltar para Gaspar, aluguei a minha casa em Blumenau e fui morar com ela", relembra Osvaldo. E, para o casal, este é exatamente o segredo para a felicidade em uma união. "É preciso ser parceiro, saber ceder e compreender. Além disso, devemos sempre ter muita confiança em quem está ao nosso lado", ensina Adelaide. Hoje, ela não tem dúvidas de que tomou a decisão certa ao decidir em ir naquele primeiro encontro. "Não me arrependo, estou muito feliz. Todas as pessoas, independente da idade, devem se abrir para o amor", afirma.

Adelaide tem três filhas e duas netas e Osvaldo possui um filho. A família - tanto de um quanto de outro - deu forças para o relacionamento desde o começo. "Todo mundo se dá bem, somos uma só família hoje", diz Osvaldo. Aposentados, eles tentam aproveitar a vida da melhor forma possível, sempre prestando atenção nas vontades e desejos um do outro. O programa preferido do casal é viajar e passear. "Já fomos a vários estados do Brasil e conhecemos muitos lugares juntos. Isto é o que mais gostamos fazer hoje em dia", revela Osvaldo. O casal também não dispensa uma festa de igreja e é frequentador assíduo dos encontros semanais do grupo da terceira idade Gente Feliz, no bairro Santa Terezinha. "Todo casal também deve ter e preservar suas amizades. Isto faz muito bem para a relação", diz Adelaide, que não se arrepende de ter iniciado um romance após viver 10 anos sem um companheiro. "Confesso que no início eu tinha um pouco de medo, pensava que não daria certo. Mas hoje não me arrependo nenhum pouco e acho que todos que estão sozinhos deveriam fazer o mesmo". Osvaldo também se mostra muito feliz com a nova união. "Adelaide é uma boa parceira, é uma pessoa independente e honesta. Não tenho do que reclamar".

"Santo casamenteiro" 

  O Dia dos Namorados é uma data comemorativa, destinada aos casais, pretendentes e apaixonados. Na data, é tradição a troca de presentes, lembranças, cartões ou mensagens de amor entre pessoas que se amam. No Brasil, a data está relacionada ao frei português Fernando de Bulhões (Santo Antônio). Em suas pregações religiosas, o frei sempre destacava a importância do amor e do casamento. Em função de suas mensagens, depois de ser canonizado, ganhou a fama de "santo casamenteiro". Portanto, em nosso país foi escolhida a data de 12 de junho por ser véspera do dia de Santo Antônio (13 de junho). Nos Estados Unidos o dia dos namorados é chamado de Valentine's Day e é celebrado em 14 de fevereiro.



LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |