| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
SEGURANÇA

PPT já está atuando em Gaspar

Tropa especializada da PM foi oficialmente implantada na cidade nesta quinta-feira (6)


PPT de Gaspar é formado por sete policiais militares / Foto: Alexandre Melo - Jornal Metas /


O Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) da Polícia Militar de Gaspar já está oficialmente implantado e atuando no município. A cerimônia de instalação da tropa especializada aconteceu na quinta-feira (6) e reuniu diversas autoridades, como o chefe de Estado-Maior da Polícia Militar de Santa Catarina, Coronel Carlos Alberto Fritz Bueno; o comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar, Coronel Moacir Gomes Ribeiro; o delegado da Comarca de Gaspar, Bruno Effori; o prefeito Kléber Wan-Dall; o presidente da Câmara de Vereadores, Ciro André Quintino; o presidente da Associação Empresarial de Gaspar (Acig), Nelson Bornhausen; entre outros. Ao todo, sete policiais militares da companhia gasparense receberam o treinamento. "A instalação do PPT em Gaspar é um sonho realizado e vem ao encontro dos nossos anseios, que é sempre melhorar o atendimento à comunidade. O município tem características que pedem a tropa especializada: além da sua localização, é muito grande geograficamente e está em pleno desenvolvimento, com uma economia pujante. Ou seja, a cidade merece uma estrutura policial a sua altura", ressalta o coronel Gomes. Ele também chamou a atenção para a importância das parcerias firmadas, que deram condições para a implantação do PPT. "É assim que se faz a segurança pública, com a união de esforços. Aproveito a oportunidade para parabenizar o comandante da PM de Gaspar, major Pedro, pela coragem e ousadia e por acreditar que seria possível implantar este reforço", disse. 

As parcerias as quais o coronel Gomes se refere são o apoio da prefeitura de Gaspar e da classe empresarial, que financiaram os investimentos. Por meio de uma lei, aprovada pela Câmara de Vereadores, a administração municipal repassou R$30 mil e os outros recursos foram doados por empresários em geral. A intermediação dessas doações foram feitas pelo Fórum das Entidades e Acig. "A comunidade ficou eufórica com esta implantação e, felizmente, tivemos um respaldo muito positivo. Tenho certeza que o PPT irá contribuir significativamente para melhorar a segurança pública na cidade. Sei que o treinamento ao qual os policiais se submetaram não foi fácil e que estão preparados para o trabalho, mas faço questão de pedir a Deus que abençoe cada policial durante os combates e operações", disse o presidente da Acig, Nelson Bornhausen, durante seu discurso.

O prefeito de Gaspar, Kleber Wan-Dall, afirmou que não teve dúvidas em ajudar quando foi procurado pelo comando da PM. "Eu poderia me abster e dizer que segurança pública é uma responsabilidade do Estado. Mas não é assim que governamos e, independente de quem é a responsabilidade, precisamos pensar no que é importante para a cidade. Sabemos que o PPT é uma importante ferramenta para inibir a criminalidade e, com sua implantação, temos hoje uma tropa mais preparada, confiante e motivada para o trabalho", disse.

A tropa

O Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) é uma tropa especializada, que atua em ocorrências de alto risco, como controle de manifestações sociais e eventos, cumprimentos de mandados, ações repressivas, entre outras situações. "Os policiais que hoje integram o PPT de Gaspar começaram a ser treinados no início do ano. Serão sempre duas guarnições de serviço por dia", explica o comandante da PM em Gaspar, major Pedro Carlos Machado Júnior. O pelotão especial é formado por sete policiais militares, que passaram por treinamento físico, tático e técnico.

"Uma das primeiras demandas que percebi quando assumi o comando da PM de Gaspar no ano passado foi a implantação do PPT. Hoje, quando acontece uma ocorrência que precisa da atuação desse grupo especial precisamos chamar o PPT de Brusque ou de Blumenau. Este deslocamento, porém, pode levar entre meia hora e 40 minutos - tempo suficiente para que nossa viatura seja alvejada por tiros e policiais morrerem antes da chegada do reforço", alerta.

Ele lembra de algumas situações em que foi preciso chamar o reforço. "Ano passado, o PPT precisou ser chamado para uma aglomeração durante a greve dos caminhoneiros e, recentemente ocorreu o assalto ao aeroporto Quero-Quero, que "respingou" em Gaspar e Ilhota. Ou seja, precisamos estar preparado para estas situações", defende. 












































































LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |