| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
COVID-19

Moisés anuncia retomada da atividade econômica

A partir de 1º de abril, praticamente todos os segmentos voltam à normalidade, inclusive o comércio

O governador Carlos Moisés anunciou, em coletiva de imprensa no começo da noite desta quinta-feira (26), um plano para a retomada da atividade econômica em todo o estado já a partir da próxima segunda-feira, dia 30. Nesse dia, voltarão a funcionar as agências bancárias, incluindo as cooperativas de crédito, e as lotéricas, que deverão atender apenas os serviços que não podem ser feitos via banco online. A determinação, porém, é que esses estabelecimentos mantenham restrições de 50% na capacidade, evitando assim aglomerações. 

Na próxima quarta-feira, dia primeiro de abril, quando encerra o segundo decreto de isolamento social de sete dias, todas as demais atividades, inclusive as não-essenciais, serão retomadas. Incluem-se nesta lista as academias de ginástica, shopping centers, hotéis, construção civil, bares, restaurantes, lojas e o comércio em geral, observando também a regra de ocupação de 50% da capacidade do estabelecimento. Os profissionais liberais, como advogados, dentistas, vendedores ambulantes, empregadas domésticas, também estão autorizados a retomar suas atividades. O governador disse entender que se esses profissionais adotarem todas as regras sanitárias adequadas podem voltar a trabalhar.

O novo decreto, que será assinado pelo governador na manhã desta sexta-feira (27), deixa de fora o transporte coletivo municipal urbano, intermunicipal e interestadual de passageiros por tempo indeterminado, assim como as aulas, que seguem suspensas por 30 dias.

O governador Moisés também deixou claro que algumas medidas de restrição adotadas nos primeiros decretos continuam valendo, ou seja, permanecem proibidos eventos sociais, esportivos e culturais que possam provocar aglomeração de pessoas. Questionado se as medidas anunciadas foram resultado da pressão exercida pelo grupo de empresários "Reage Santa Catarina", o governador disse que não só esse grupo, mas que vinha conversando com outros segmentos. "Recebi mais de 300 pedidos e a vontade sempre foi a de atender a todos", afirmou. O governador lembrou que a retomada da atividade econômica não significa que tudo voltou à normalidade e alertou: "a nossa crise nem chegou ainda, essa é a nossa primeira ação em duas semanas de quarentena, as pessoas podem achar que estamos saindo da crise do coronavírus, porém, nem ainda tivemos contato com ela". Moisés lembrou que a curva da pandemia no Brasil é bem parecida com a de outros países. Ele também voltou a dizer que é preciso que o governo federal esteja ao lado dos governadores e que as decisões não podem ser dissociadas entre os poderes. "As pessoas precisam acreditar no governo de Santa Catarina", acrescentou. O secretário de saúde, Helton de Souza Zeferino, atualizou os números da Covid-19 em Santa Catarina. Segundo ele, são 149 pessoas infectadas, sendo 25% delas com idade entre 30 e 39 anos, o que serve de alerta para que as pessoas adotem as medidas restritivas e continuem adotando todos os cuidados sanitários. O secretário revelou ainda que dez pessoas encontram-se internadas em UTIs do estado, e que seis delas tem acima de 60 anos. Santa Catarina foi o primeiro estado a adotar as medidas restritivas é o primeiro a flexibilizá-las.O Rio de Janeiro também anunciou ontem a reabertura do comércio.

Ao todo, são 30 cidades atingidas: Florianópolis (20), Itajaí (16), Criciúma (12), Blumenau (12), Braço do Norte (9), Tubarão (8), Balneário Camboriú (8), São José (8), Joinville (7), Imbituba (5), Camboriú (4), Chapecó (4), Gravatal (3), Navegantes (3), Porto Belo (3), Jaraguá do Sul (2), Jaguaruna (2), Rancho Queimado (2), Siderópolis (2), Balneário Arroio do Silva (1), Canelinha (1), Gaspar (1), Içara (1), Itapema (1), Lages (1), Pomerode (1), São Ludgero (1), São Pedro de Alcântara (1), Tijucas (1) e Timbé do Sul (1).






LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |