| ASSINE | ANUNCIE
| | | |

PERDA

Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero

11 Fevereiro 2019 13:59:00

Principal âncora da Band TV está entre as vítimas da queda da aeronave ocorrida no começo da tarde em SP


Reprodução Band TV/

ATUALIZADA ÀS 15H30MIN.

O jornalista Ricardo Boechat, 66 anos, morreu após a queda do helicóptero em que viajava em São Paulo. A informação foi confirmada pelo Governo do Estado. O acidente aconteceu por volta das 12h15min desta segunda-feira (11), no quilômetro 7 da Rodovia Anhanguera, próximo aos viadutos do Rodoanel, na zona oeste da capital paulista. Boechat retornava de um compromisso na cidade de Campinas-SP. Na queda, o helicóptero ainda atingiu a parte dianteira de um caminhão que trafegava pela rodovia. Além de Boechat, o piloto da aeronave, cujo nome ainda não foi revelado, também morreu no acidente. O motorista do caminhão sofreu ferimentos e foi encaminhado ao hospital. As causas do acidente ainda serão investigadas pela Força Aérea do Brasil (FAB).

Ricardo Eugênio Boechat nasceu em Buenos Aires, na Argentina. Em sua longa carreira no jornalismo (quase 50 anos) trabalhou nos principais jornais do país, como O Globo, O Dia, O Estado de São Paulo e Jornal do Brasil. Foi também diretor de jornalismo na Band e trabalhou como âncora em diversos jornais do Grupo Bandeirantes de Comunicação. Atualmente era o âncora do Jornal da Band. Boechat era casado com Veruska Seibel Boechat e pai de seis filhos. O jornalista ganhou três Prêmios Esso, sendo o único jornalista a vencer em três categorias do Prêmio Comunique-se (Âncora de Rádio, Colunista de Notícia e Âncora de TV).

Também foi eleito o jornalista mais admirado na pesquisa do site Jornalistas&Cia em 2014, que elencou os 100 principais profissionais do mercado. Boechat assinava também uma coluna semanal na revista "Isto É". Em seu último comentário, na manhã desta segunda-feira (11), onde participava de um programa diário na Rádio Bandnews FM, o jornalista fez duras críticas Assista aqui sobre a sucessão de tragédias ocorridas no Brasil neste começo de ano e a negligência e a impunidade. Entre as tragédias citadas em seu comentário estava a de 2008, no Vale do Itajaí. "A impunidade é o que rege, comanda, a orquestra das tragédias nacionais", apontou. 



LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |