| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
JUSTIÇA

Morador de Gaspar, com prisão domiciliar em aberto, é mandado para casa de ônibus

Por falta de efetivo, PM foi orientada a embarcar o homem na rodoviária da cidade

Alexandre Melo


Um fato, no mínimo, curioso ocorreu na tarde desta quarta-feira (13) no município de Nova Trento, no Vale do Rio Tijucas. Em ronda pela cidade, uma viatura da PM abordou um homem, de 33 anos, na Rua Alferes, no bairro Trinta Réis. Ao verificar no sistema, os policiais constataram que o homem, residente em Gaspar, estava com uma mandado de prisão ativo por falta de pagamento de pensão alimentícia. O mandado, porém, determinava que o cumprimento da sentença deveria ser em prisão domiciliar. O homem então foi levado ao juiz do Fórum da Comarca de São João Batista, a qual informou também a Comarca de Blumenau sobre os fatos. Em seguida, a guarnição da PM foi orientada pelo Fórum a deixar o autor na rodoviária de São João Batista, pois não havia efetivo policial para conduzi-lo até a sua residência, em Gaspar, onde deveria iniciar o cumprimento da sentença. Antes de deixar o Fórum em direção à rodoviária, o homem foi informado que deve cumprir a prisão domiciliar em Gaspar, seu atual endereço. O período de cumprimento da pena não foi informado, mas, de acordo com o Novo Código de Processo Civil, o devedor de pensão alimentícia pode pegar até três meses de prisão em regime fechado. (Com informações da Rádio Menina FM, de Balneário Camboriú).


LEIA TAMBÉM