| ASSINE | ANUNCIE
TRAGÉDIA

Corpo de caminhoneiro chega nesta madrugada

11 Janeiro 2018 23:18:00

Ivani Dalmagro, morador do Coloninha, morreu em acidente no Paraná. Velório deve começar nas primeiras horas da manhã

O corpo do caminhoneiro Ivani Silvio Dalmagro, de 60 anos, chega a Gaspar durante a madrugada desta sexta-feira (12). A informação foi confirmada por familiares no início da noite. O velório terá início por volta das 7 horas da manhã, na Capela Bom Pastor, no Cemitério Municipal do bairro Santa Terezinha. A família ainda aguarda autorização judicial para que o corpo possa ser cremado no Crematório São José, em Blumenau, já que não se trata de morte natural e, neste caso, é necessário autorização da justiça. De acordo com um familiar, caso a autorização da justiça demore, a família deverá optar pelo sepultamento no Cemitério Municipal do Santa Terezinha,no final da tarde desta sexta-feira..

Ivani, também conhecido entre os colegas de profissão por Gasparzinho, morreu em acidente na tarde de quarta-feira (10), na PR-483, município de Francisco Beltrão, no Sudoeste do Paraná, distante 480 quilômetros de Curitiba. Ele dirigia o caminhão de sua propriedade, marca Mercedez Benz, quando foi envolvido em um acidente de trânsito, provavelmente provocado por um veículo Gol, placas de Francisco Beltrão, que forçou uma ultrapassagem. O veículo colidiu na roda dianteira do caminhão que, desgovernado, bateu de frente em outro caminhão que vinha em sentido contrário. Um quarto veículo, um Ônix, conseguiu desviar para o acostamento e não foi atingido. Além de Ivani, morreram no acidente o motorista do Gol, Fábio dos Santos Galvão, de 20 anos, e Ryan Carlos Fogaça, de 12 anos, que era passageiro da outra carreta, com placas de Coronel Vivida. O motorista, Carlos Fogaça dos Santos, de 51 anos, foi levado em estado grave para o hospital de Francisco Beltrão.

O condutor do Ônix confirmou a versão de que o motorista do Gol estaria realizando uma ultrapassagem e que acabou colidindo no rodado da carreta que, desgovernada, invadiu a pista contrária e bateu em outro caminhão que vinha em sentido contrário. Chovia no momento do acidente. O caminhão, de propriedade de Ivani, transportava uma carga de cerâmica, enquanto o outro veículo estava carregado de milho. As cargas ficaram espalhadas na pista, cujo tráfego permaneceu interrompido por várias horas.A Polícia Rodoviária Estadual, Samu e Corpo de Bombeiros atenderam à ocorrência.

Ivani era natural de Dionísio Cerqueira, no extremo-oeste de Santa Catarina, e residia em Gaspar há 27 anos. Caminhoneiro desde muito jovem, de acordo com a família, ele havia ingressado com o pedido de aposentadoria. Ivani era casado com Maria Dolores Zimmermann Dalmagro, ex-funcionária do Banco do Brasil, e pai de três filhas, entre elas a jornalista do Jornal Metas, Kássia Dalmagro. Ele deixa ainda dois netos.

LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620