| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
PREVENÇÃO

Gaspar adere ao 'Criança Feliz'

Programa, que tem como público-alvo gestantes e crianças entre zero e seis anos, teve início nesta semana


Lançamento oficial do programa em Gaspar aconteceu na manhã de segunda-feira (7) / Foto: Kássia Dalmagro - Jornal Metas /

Ampliar a rede de atenção e cuidado integral das crianças na primeira infância. Este é o objetivo principal do programa "Criança Feliz" que começou a ser desenvolvido em Gaspar nesta semana. O lançamento oficial aconteceu na segunda-feira (7), no auditório da prefeitura. Participaram da solenidade, o prefeito de Gaspar, Kleber Wan-Dall; o secretário de Assistência Social de Gaspar, Santiago Martin Navia; o presidente do Colegiado de Assistência Social da Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí (Ammvi), Oscar Casico Grotman; o secretário de Assistência Social de Porto Belo e presidente do Colegiado Estadual de Assistência Social, Magno Munhoz; o delegado da Comarca de Gaspar, Bruno Effori; entre outras autoridades e convidados.

De acordo com Navia, o programa é uma ação do Governo Federal e Gaspar é o segundo município de Santa Catarina a aderir à iniciativa - o primeiro foi Porto Belo. "Víamos o Criança Feliz com bons olhos e a experiência positiva de Porto Belo com a ação nos motivou a trazer o programa para Gaspar. Tenho certeza que ele irá contribuir para termos adultos mais preparados", disse. Segundo o secretário, o programa compreende visitas domiciliares, quando são repassadas orientações e informações aos pais ou responsáveis com a intenção de promover o desenvolvimento integral das crianças. "Ao todo, seis visitadores sociais foram contratados com recursos do programa. Eles passaram por uma capacitação e já iniciaram os trabalhos", afirma.

Prioridade 

O coordenador do Criança Feliz em Gaspar, Carlos Eduardo de Oliveira, explica que a meta é atender 200 crianças no município. A prioridade são famílias cadastradas no Bolsa Família e no CadÚnico. "São três públicos que irão receber atendimento. As gestantes, que serão visitadas mensalmente; crianças entre zero e três anos, que receberão a visita da equipe semanalmente; e crianças entre quatro e seis anos, que serão visitadas a cada quinze dias", afirma.

O secretário de Assistência Social de Porto Belo, Magno Munhoz, onde o programa já é aplicado, elogiou a iniciativa e disse já ter obtido resultados positivos com o programa. "O desafio é grande, mas é possível atingir o objetivo. Temos muitos casos de sucesso em nossa cidade", garantiu. Já o representante da Ammvi, Oscar Grotman, ressaltou a prevenção como ponto principal do programa. "É uma ação que irá fazer a diferença lá na frente. Um programa que ameniza a delinquência juvenil", pontuou.


Equipe foi apresentada durante lançamento do programa / Foto: Kássia Dalmagro - Jornal Metas /




LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |




JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |