| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
SOLIDARIEDADE

Clubes e atletas se unem em campanhas solidárias

Além de colocar suas estruturas à disposição, jogadores estão doando dinheiro para campanhas


Divulgação/

O Esporte, de maneira geral, vem também aderindo às campanhas de doação de recursos para auxiliar no combate ao Coronavírus. Assim que a bola parou de rolar nos gramados do mundo inteiro, clubes dispensaram atletas de todas as categorias e funcionários e passaram a incentivar, via redes sociais e aplicativos de conversa, seus torcedores a permanecerem em casa. A FIFA, entidade máxima do futebol mundial, também entrou na campanha e reuniu os mais famosos jogadores do mundo em um vídeo de apoio às campanhas de isolamento social no combate ao coronavírus.

Algumas estruturas esportivas passaram a ser oferecidas aos governos para servirem de hospitais de campanha, postos de saúde e recepção a doentes. Avaí e Figueirense, que possuem boas instalações, inclusive ambulatórios médicos, oferecerem seus complexos esportivos para auxiliar as autoridades públicas. Criciúma e Chapecoense seguiram no mesmo caminho. Athletico-PR e São Paulo foram os primeiros clubes do país a oferecerem suas estruturas para as autoridades públicas. O estádio Morumbi, do São Paulo, fica localizado próximo ao Hospital Alberto Einstein, hoje uma das referências no combate à doença na capital paulista. Por enquanto, o Estádio do Pacaembu, também na capital paulista, que pertence à prefeitura, é o único que está sendo preparado. O gramado do estádio virou um enorme hospital de campanha. Serão 200 leitos de baixa complexidade para atender pacientes com suspeita de infecção pelo novo coronavírus. Outros 1.800 leitos serão colocados no sambódromo do Anhembi, que também pertence à Prefeitura. São Paulo, epicentro da pandemia no Brasil, até esta sexta-feira (27) havia o registro de 1.223 casos e 68 mortes.

Corinthianos deixaram à disposição do Governo a Arena Corinthians em Itaquera, o Centro de Treinamento Joaquim Grava e o Parque São Jorge, enquanto santistas disponibilizaram todas as suas dependências para que sejam utilizadas pela Secretaria de Saúde do município, que incluem o estádio Vila Belmiro e o CT Rei Pelé. O Palmeiras autorizou sua arena, o Allianz Parque, a receber a campanha de vacinação contra a gripe infuenza. 

Outros estados tiveram gestos de solidariedade. No Rio de Janeiro, o Botafogo deixou seu estádio Nilton Santos à disposição do governo, o que foi seguido por Cruzeiro Bahia e Fortaleza que ofereceram seus CTS. A estrutura baiana foi inspecionada pela Secretaria de Saúde do Estado e já foi aprovada para a recepção de pacientes da COVID-19. Assim como o Palmeiras, o Goiás se comprometeu a ajudar na campanha da vacina contra a gripe infuenza. Longe do epicentro brasileiro da COVID-19 e das estruturas mais ricas do futebol nacional, o Juventude de Caxias do Sul deixou seu ginásio coberto, localizado no centro de treinamento, à disposição da Prefeitura,  e o Náutico de Recife colocou seu CT a serviço do governo pernambucano. O Rio Grande do Sul tem, por  enquanto, 194 casos confirmados,  enquanto Pernambuco tem 57 casos e quatro mortes.

1 milhão de euros

Individualmente, os maiores desportistas do mundo vêm também se unindo à campanha de solidariedade que já arrecadou bilhões de dólares para auxiliar países a enfrentarem a pandemia de coronavírus. O meio campo do Paris Saint-Germain, o brasileiro Neymar, doou certa quantia. O meio-campo do Barcelona, Lionel Messi, anunciou a doação de 1 milhão de euros (R$ 5,4 milhões, sendo metade para um hospital de Barcelona e outra metade para um hospital da argentina de Rosário. Antes, o ex-técnico de Messi no Barcelona e hoje no Machester City, Pep Guardiola, também anunciou a doação de 1 milhão de euros para auxiliar o governo espanhol a combater ao devastador vírus. O ex-primeiro-ministro Silvio Berlusconi, proprietário do Monza, time da terceira divisão italiana, e ex-presidente do Milan, fez uma doação de 10 milhões de euros para a região da Lombardia para ajudar a construir uma unidade de terapia intensiva com 400 leitos . 

 





LEIA TAMBÉM



JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |