| ASSINE | ANUNCIE
| | | |
SOCIAL

Capoeiristas vão ao Sul-Brasileiro

07 Maio 2019 20:47:00

Paraense Genismar Ferreira, trouxe para o bairro Margem Esquerda um novo trabalho social


Formado Guga e seus alunos: a capoeira desenvolve várias habilidades / Foto: Divulgação/

Há um ano morando em Gaspar, o paraense Genismar Ferreira, 37 anos, trouxe para a comunidade do bairro Margem Esquerda um trabalho social que deu certo na sua cidade natal, Belém-PA: a Capoeira. Há 25 anos ele é praticante do esporte. A parceria com a Sociedade União começou em setembro de 2018.

Hoje, são 23 alunos matriculados nas aulas que acontecem três vezes por semana, a partir das 19h30min. "A capoeira desenvolve não só a habilidade de luta, mas também a musicalidade, o respeito e o trabalho em equipe", explica Formado Guga, nome de batismo de Genismar entre os capoeiristas. Ele também vê a capoeira como uma arte. "E onde não tem arte quem dá espetáculo é a violência", ensina. Por isso, o interesse dele em promover o esporte entre os jovens.

No próximo dia 18 de maio, o grupo vai participar da primeira competição oficial: O Campeonato Sul-Brasileiro de Capoeira, que acontece na cidade de Rio do Sul, no Alto Vale. O evento vai reunir atletas entre 6 e 17 anos de 23 cidades dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. "Será um dia inteiro de competições, onde os nossos jovens capoeiristas vão poder conviver com outros praticantes do esporte. Isso será muito bom", afirma Guga. Sem ajuda do poder público, o grupo de 12 alunos - 11 meninos e uma menina - foi à luta para conseguir o dinheiro que vai custear a viagem por meio de rifas e da ajuda dos próprios pais.

O próximo passo, de acordo com Guga, será realizar o 1º Batizado de Troca de Cordas", que é quando os alunos vão passar por prova prática que vai levá-los para uma nova categoria - semelhante à troca de faixas no judô e karatê. Para esse evento, o grupo terá novamente que "passar o pires". "Pretendemos realizar o batizado ainda este ano", informa Guga.

O professor Guga explica que a prática da capoeira é recomendável para pessoas de todas as idades, independente das suas limitações. Quem quiser conhecer um pouco mais do projeto, o telefone para contato é (47) 99771-2016.


O grupo se prepara agora para participar da sua primeira competição / Foto: Divulgação/





LEIA TAMBÉM



JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |