| ASSINE | ANUNCIE
| | | |

direitos.jpg
COLUNA
Por Simone Makki
Veja todas os artigos desta coluna

Dicas para o Dia das Crianças

09 Outubro 2018 17:17:00

Para muitos, o dia das Crianças é sinônimo de brinquedo. Porém, a hora da compra não pode ser levada na brincadeira. Afinal ninguém quer presente problema neste dia não é mesmo? 
Portanto, fique atento a estas dicas:

Antes de definir o que comprar, é importante levar em consideração o gosto, idade e limitações da criança. Lembre-se que, nem sempre, os brinquedos que estão fazendo mais sucesso no momento são os mais adequados para a criança que será presenteada. É recomendável fazer uma pesquisa de preços, comparando as condições de pagamento e vantagens oferecidas de uma loja para outra. 

Diversos brinquedos necessitam de manual de instruções e possuem garantia fornecida pelo fabricante. Nesses casos, fique atento se o termo de garantia acompanha o produto e verifique a relação de empresas que prestam assistência técnica autorizada. O manual deve trazer em português e em linguagem clara e precisa, todas as informações sobre o produto, tais como número de peças, regras de montagem, modo de usar, se faz parte de alguma coleção, a que idade se destina, e quanto aos possíveis problemas que poderá causar se usado de maneira inadequada.

Quanto à garantia, não se esqueça que o Código de Defesa do Consumidor determina que produtos duráveis contam com prazo de garantia de noventa dias, independente do prazo fornecido pelo fabricante. 

Informe-se junto ao vendedor sobre a possibilidade de troca da mercadoria e sob quais condições ela poderá ser efetuada. Peça que esse compromisso conste por escrito na nota fiscal. Fique especialmente atento ao adquirir brinquedos em promoção ou saldos, pois nessas circunstâncias de compra nem sempre a loja possui estoque para troca. 

Quando se tratar de brinquedos a pilha ou bateria, procure saber se estes componentes acompanham a mercadoria. 

Os brinquedos fabricados e comercializados de acordo com as normas e técnicas do IQB - Instituto de Qualidade do Brinquedo - e do Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia - possuem um selo fornecidos por essas instituições. Portanto, fique atento à presença dele. Os brinquedos importados seguem as mesmas regras dos nacionais, por isso, não ficam livres das determinações do Código de Defesa do Consumidor. 

Se a compra for efetuada fora do estabelecimento comercial, ou seja, por telefone, catálogo, Internet ou reembolso postal, o consumidor pode desistir da transação dentro do prazo de sete dias corridos, a contar da assinatura do contrato ou do recebimento da mercadoria. Nestes casos, o cancelamento deve ser feito por escrito, com comprovante protocolado. 

Dê preferência aos fabricantes que se preocupam com os seus direitos e que respeitam o meio ambiente, como, por exemplo, aqueles que utilizam embalagens recicláveis. 
Lembre-se: um brinquedo novo pode significar um brinquedo antigo doado que fará uma outra criança feliz! 

 


JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

| | | |

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 |